quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Beco do Batman

Passear por uma galeria de arte a céu aberto, apreciando arte de rua feita por grafiteiros de vários locais da capital - e de outras cidades e países -, é realidade possível em São Paulo. O Beco do Batman é uma viela localizada em um dos bairros mais boêmios e alternativos da capital, a Vila Madalena,  e suas paredes e muros estão cobertas de pinturas com as mais diversas inspirações.

O Beco é atração turística já obrigatória para quem visita São Paulo. Lá encontramos turistas de outras localidades do Brasil e muitos estrangeiros. Também é locação concorrida para gravação de novelas, comerciais e editoriais de moda e publicidade.
Foto: Gleide Morais
Foto: Gleide Morais
As intervenções artísticas sempre mudam e são autogeridas pelos grafiteiros, que entram em acordo quando um grafite está desgastado e precisa ser trocado. Cabe ao dono da obra produzir uma nova ou ceder o espaço para outro artista. Por essa rotatividade, sempre é possível encontrar novos desenhos pelas vielas do Beco. Eu, que trabalho numa rua que é extensão, sempre dou uma fugidinha para conferir as novidades.

Foto: Gleide Morais
Foto: Gleide Morais


No início do mês, a Mybikini passou por aqui para fotografar algumas de suas peças de fitness e bodies. Casamento perfeito entre arte urbana e moda!




Recado da Karen, da Mybikini: Entrem em contato pelo Facebook, E-commerce, ou telefones (11) 2950-5394 - (11) 2977-9608 para saber da disponibilidade das peças. :)

O Beco do Batman aguarda sua visita! É só chegar. 

Beijos,
Glê

Beco do Batman | Rua Gonçalo Afonso e Rua Medeiros de Albuquerque - Vila Madalena

________________________________________
Gleide Morais. Formada em Letras, vivendo e trabalhando com um pouco de tudo o que aprendeu na vida, ou seja, sou 'Gente de Humanas'. Escrevo aqui (prazamigas) e acolá, sobre tudo e mais um pouco. Coleciono blogs { Princesa Gleide | Blog da Glê | Diário da Glê }. Muita vida me interessa. Buscando vivenciar a filosofia do 'Entrego, confio, aceito e agradeço', do professor de yoga José Hermógenes. Sintetizando, à la Lispector: 'Eu sou uma pergunta' - e amo ser assim! ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário